Homem que ateou fogo na ex-companheira foi preso várias vezes por agredir a mulher, segundo a polícia

junho 09, 2021 0

Após já ter ateado fogo contra a ex-companheira, um homem de 39 anos, conhecido como 'Kit' foi preso novamente por injúria e ameaça de morte, em São Luís. Segundo o delegado Jader Alves, a mulher era constantemente alvo de violência.

"Eles viveram 15 anos juntos, em união estável, quando ela decidiu terminar a relação. Foi então que ele, por vingança, cometeu o primeiro crime e ateou fogo com gasolina no corpo dela, deixando extensas lesões", contou o delegado.

Após o primeiro crime, o homem continuou a ameaçar a ex-companheira, que decidiu sair do interior do Maranhão para morar na Estrada da Mata, em São José de Ribamar. No entanto, já em 2021, o homem conseguiu encontrar novamente a vítima e exigir a venda da casa onde ela mora, com os três filhos, pois ele diz que precisa de dinheiro.

"Quando ele a encontrou, ele bateu nela diversas vezes, em público, e ateou fogo nas roupas dela. Com isso, ele foi preso no dia 2 de junho; mas, três dias depois, foi posto em liberdade mediante uso de tornozeleira eletrônica", relata Jader Alves.

Em liberdade, o homem voltou a se aproximar da vítima e, dessa vez, afirmou que iria matá-la, caso ela não vendesse a casa. Segundo a polícia, testemunhas ouviram as ameaças e relataram na delegacia, o que levou novamente à prisão do homem na Rua São José, Vila Riod, São Luís.

O nome do preso não foi informado pela polícia. Ele segue na Penitenciária de Pedrinhas, em São Luís.


Por G1 MA





0 Comentarios "Homem que ateou fogo na ex-companheira foi preso várias vezes por agredir a mulher, segundo a polícia"