Presa quadrilha chefiada por pastor e suspeita de sequestrar gerentes de banco

julho 20, 2018 0


Chefiada pelo ex-pastor evangélico Ronei Goes Camargo, uma quadrilha suspeita de sequestrar gerentes de bancos nos estados do Paraná e Santa Catarina foi alvo de uma operação do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre), da Polícia Civil do Paraná, batizada de Operação Jaguar. Com apoio da Delegacia de Jaguariaíva, cidade no Oeste do estado, os policiais apreenderam armas, coletes a prova de balas, balaclavas, luvas, 3,8 quilos de crack, cerca de R$ 250 mil em espécie, além de motos e carros que teriam sido comprados com dinheiro roubado.

De acordo com a investigação, o pastor foi identificado como responsável por pelo menos dois sequestros no Paraná. O primeiro teria ocorrido em 23 de maio deste ano, em Jaguariaíva, e o segundo, em 10 de julho, na cidade de Matinhos, no litoral paranaense.
Durante toda a investigação que culminou com a operação, o Tigre descobriu que após os sequestros e roubos bem sucedidos integrantes das quadrilhas faziam viagens – algumas delas de luxo. Depois do roubo ao banco de Jaguariaíva, em maio deste ano, Ronei Goes Camargo foi de avião até o Rio de Janeiro, onde foi recebido por representantes de organização criminosa sediada nos morros cariocas, e voltou para o Paraná com um veículo Pajero, lá adquirido com dinheiro proveniente da extorsão mediante sequestro.


Fonte: Tribuna do Paraná

0 Comentarios "Presa quadrilha chefiada por pastor e suspeita de sequestrar gerentes de banco"