veja agora quem é a selebridade da cultura de Rosario que será homenageda.

setembro 15, 2018 0

PROJETO DE LEI DO VEREADOR NECÓ CRIA TRIBUTO EM HOMENAGEM AO SAUDOSO FOLCLORISTA MANOEL DE TOPA A SER REALIZADO anualmente NO MÊS DE JULHO.
Art. 2º Fica o Poder Executivo autorizado através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo a firmar parceria com órgãos afins e os idealizadores do aludido tributo, visando organizar relevante evento popular.
Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Art. 4º Revogam-se as disposições em contrario.
Segundo o vereador, 

A presente proposição tem como objetivo homenagear o saudoso folclorista, MANOEL DE JESUS REIS, nascido aos três dias do mês de agosto do ano de 1945, no bairro centro cidade de Rosário/MA. Filho de Francisco Romão dos Reis e Maria Alexandrina Rodrigues, é o mais novo dentre 04 irmãos sendo que os demais são NONATO, SEBASTIÃO E ANTONIO, sendo que este último não é parente consanguíneo, porem o tem encarregou-se de transforma-lo em um irmão de alma que faria parte da história de vida de Manoel durante toda a sua jornada aqui na terra.
Teve a grande parte de sua adolescência desenvolvida na rua de baixo, fase em que conheceu sua companheira Isabel, em um encontro ocasional no tradicional festejo de São Benedito no bairro Paraíso local que Manoel tinha ido divertir-se na companhia de seus irmãos Nonato, Sebastião e Antônio. Após esse episódio amistoso, o casal não mais se viu por cerca de um ano, porém o destino encarregou-se de juntá-los novamente em um novo festejo, desta feita no festejo em homenagem a Nossa Senhora do Rosário, e a coincidência fez com que a padroeira da cidade abençoasse aquele namoro e propiciasse com que, após certa de 05 anos de namoro, casassem e constituíssem uma prole de 06 filhos dos quais ainda vivem 04. 

VEREADOR NECÓ
AUTOR DO PROJETO DE LEI

Nessa época, em função de sua genitora trabalhar como doméstica em “casas de família” com o objetivo de criar os filhos, Manoel morava na casa de Dona Surica e Maria do
Carmo, esta conhecida por Bebéi. Tinham o endereço a Rua Estefânio Saldanha, próximo do atual endereço atual de sua saudosa esposa. Assim, ainda bem jovem, MANOEL DE TOPA, alcunha que recebeu por conta da forma como era conhecido seu pai Francisco Romão, já despertava o dom para compor poesias que ato contínuo eram transformadas em toadas de bumba meu boi, assim como já participava e nutria gosto acentuado pelos blocos carnavalesco tradicionais da rua de baixo, comandado pelo conhecido Anísio Rocha, já falecido, mas que atualmente sob a administração de PEDRO DE BRAZ, com o nome de AMIGO DO SAMBA, mantem-se viva a tradição da batida cadenciada dos instrumentos de percussão.
O vereador mais uma vez chama a atenção para esse projeto de suma importância que valoriza personagens da cultura rosariense.



0 Comentarios "veja agora quem é a selebridade da cultura de Rosario que será homenageda. "